Análise – Samurai Riot

samurai-riot-01

Samurai Riot é um jogo indie de Beat’em up 2D para PCs que apresenta uma diferença em relação aos outros jogos do gênero, que é a opção de poder fazer escolhas durante o jogo.

O enredo gira em torno de dois samurais, Sukane e Tsurumaru, que após falharem em uma missão de infiltração contra os rebeldes do império, devem tentar agora atacar de frente com tudo. O enredo vai se moldando de acordo com as escolhas feita no jogo, e algumas mudam totalmente o rumo da história, com o jogo tendo um total de 8 finais diferentes. Se prepare, pois nenhuma escolha será fácil.

samurai-riot-03

A jogabilidade é simples e os controles são fáceis. Durante o jogo seu personagem pode evoluir e aprender diferentes golpes, dependendo do estilo de artes marciais que o jogador escolher. É possível jogar com dois jogadores, mas apenas de forma local, e isso torna a diversão maior, pois é possível combinar ataques especiais. Em algum momento as fases são longas, se tornando um pouco cansativas e repetitivas.

samurai-riot-02

Os gráficos são simples e bonitos. Os cenários são bem desenhados e traduz bem o estilo de sua temática, porém são bem genéricos e mudam pouco. O jogo está apenas em inglês, e isso pode atrapalhar quem não tem conhecimento da língua, pois é necessário entender pelo menos o básico para fazer as escolhas.

Samurai Riot faz com que a linearidade do estilo beat’em up seja anulada, dando o controle da história ao jogador e fazendo com que haja muito interesse em jogá-lo novamente.


Ficha Técnica

Título: Samurai Riot

Lançamento: 13 de Setembro de 2017

Gênero: Beat’em Up

Jogadores: 2 (apenas local)

Plataforma: PC

Bruno Audi

Bruno Audi

Criador de trocadilhos e piadas ruins. Terceira pessoa mais sem graça do Brasil. Podcaster no Los Chicos, viciado em games e filmes de terror. Pretendo estar vivo até o final de One Piece e Game of Thrones.
Bruno Audi

Últimos posts por Bruno Audi (exibir todos)